Junte-se a 22.515 pessoas que
decidiram aprender tudo sobre Criação de Blogs Profissionais e Redes Sociais.

Dicas Thaís Correa

4 benefícios de fazer um hotsite

Um hotsite é uma plataforma anexa ao canal oficial de uma empresa, exclusiva para o lançamento de um novo produto, promoção ou sorteio, retirada do ar logo após o final da campanha. 

A separação de seus serviços em relação ao conteúdo geral da marca, além de potencializar vendas, representa um melhor controle no desempenho da campanha e praticidade na exibição e posterior restrição de informações específicas. 

Utilizada por grandes corporações, o hotsite é uma prática que deve ser adotada por pequenos e médios empreendedores.

Afinal, seus custos de implementação são baixos e as vantagens para as operações comerciais são numerosas. 

Neste artigo, o leitor compreenderá alguns pontos chave para a elaboração de hotsites, sua importância e principais características que levam estas plataformas ao sucesso. 

Algumas das questões discutidas são: 

  • Quais são as diferenças entre hotsite e landing page
  • O hotsite é um blog? 
  • O hotsite pode ser usado em qualquer tipo de negócio? 
  • Qual é o custo-benefício de um hotsite? 

Assim, será desvendado mais um entre os diversos elementos que compõem o ecossistema dos sites, a interface matriz para a produção de conteúdo online. 

O que separa o hotsite de outros sites?

A composição de um hotsite pode soar confusa para uma audiência pouco habituada. 

O pontapé para explicar esta categoria de produção de conteúdo é visualizar a necessidade de publicidade a nível temporário para as empresas. 

Antes da fase mais avançada de popularização da internet, os sites existiam como blogs, gerenciados por pessoas físicas, com publicações em texto sobre experiências pessoais, opiniões ou conhecimentos, além de blogs, haviam fóruns de discussão pública e coletiva. 

Quando os aparelhos celulares ganharam funcionalidades que permitiam conexão à internet, o uso de plataformas online rapidamente cresceu na rotina do usuário comum. 

A web passou a estar presente a qualquer momento, em qualquer lugar. 

Assim, as empresas enxergaram as plataformas de produção de conteúdo, como um local propício para execução de suas vendas. 

Por outro lado, empresas de tecnologia investiram em produtos financeiros que viabilizassem o comércio virtual. 

A migração em massa de organizações transformou a maneira como os sites são desenvolvidos e apresentados ao público. 

Os blogs se converteram em totem publicidade e a análise de dados tornou-se uma parte inseparável da estratégia de vendas. 

Os hotsites surgiram para exibir campanhas específicas, como o lançamento de novas coleções, sorteios ou promoções, uma espécie de catálogo separado, centralizando as operações de compra e cadastros em um único lugar. 

No entanto, é necessário fazer uma separação nítida entre o hotsite e as demais plataformas de criação de conteúdo, uma questão gerada pelos múltiplos modelos de conteúdo disponíveis atualmente.

Hotsites versus landing pages

Uma landing page de um serviço de reforma, é caracterizada pela apresentação de poucos elementos e textos em forma de “Calls to Action”, acompanhados de botões que redirecionam o usuário a outro local, a fim de executar uma função definida. 

Calls to Action é o termo utilizado para frases de efeito, criadas para instigar o leitor a realizar uma ação. 

Chamadas de CTAs, trata-se de uma técnica muito aplicada em landing pages e campanhas publicitárias. 

Alguns exemplos de CTAs, são: 

  • Inscreva-se!;
  • Confira nossa loja!;
  • Acesse agora; 
  • Marque uma consulta. 

Portanto, é possível notar que este tipo de frase é formada por comandos em verbos imperativos. 

As landing pages aparecem como uma breve descrição de uma empresa de entrega rápida e um botão, exibindo uma CTA do tipo “cadastre-se”, ou “baixe o app”. 

As hotsites não são um cartão de visita, como as landing pages, mas um local para efetuação de compras que se encaixem em uma promoção ou coleção exclusiva, ou criação de cadastros ou assinaturas em sorteios e brindes. 

Hotsites versus blogs

Outro objeto de confusão é a comparação entre hotsites e blogs. Os blogs são locais de publicação de artigos de texto, podendo ganhar combinações com recursos audiovisuais. 

A primeira diferença a ser pontuada entre hotsites e blogs é o caráter temporário de um e o caráter permanente de outro, respectivamente. 

Os blogs são ideais para a aplicação de estratégias SEO de longo prazo, diante de seu estilo periódico de publicação. 

Quanto ao hotsite, sua instalação visa resultados de curto prazo, considerando que seu tempo de vida no contexto virtual pode ser menor que duas semanas, a depender do propósito ao qual serve. 

Um blog serve para o posicionamento de uma marca de jaleco personalizado, o que inclui todos os produtos associados a ela. 

O hotsite serve para a expansão de vendas de um item em promoção ou de um estoque em fase de liquidação. 

Os hotsites também podem ser usados para o cadastro de um curso temporário. Assim, os interessados possuem um local exclusivo de matrícula, otimizando o compartilhamento de informação. 

Benefícios dos hotsites para a estratégia empresarial

Os hotsites, dentro do contexto empresarial, são soluções de baixo custo e grande retorno, visto que sua influência sobre o desempenho de uma campanha de marketing se prova positiva em muitos casos analisados. Alguns de seus benefícios são: 

1- Publicidade orgânica

Um hotsite bem desenvolvido se converte em propaganda para o cliente, melhorando aspectos como reputação e percepção de autoridade de uma empresa. 

A linguagem e design da ferramenta deve ser profissional e coerente com a proposta. 

A publicidade orgânica que um hotsite pode gerar na impressão do cliente parte do princípio da experiência do usuário como fator decisivo de compra. 

A fidelização do consumidor, tão discutida atualmente, passa pelo atendimento qualificado. 

Uma empresa de móveis que planeja uma liquidação, pode utilizar o hotsite como um catálogo especial, com descontos acima dos 5% para itens como mesa e cadeira de jantar moderna e outros móveis da coleção anterior. 

2- Comunicação clara e acessível

Uma das queixas mais comuns em tempos de promoção é a falta de informações quanto a quais produtos fazem parte da campanha. 

Um erro muito comum é a comunicação confusa de preços, formas de pagamento e prazos de entrega no comércio online. 

Um hotsite é um local que separa o catálogo e atividades da empresa que não fazem parte de uma campanha específica, mantendo atividades normais e extraordinárias acontecendo simultaneamente, com o mesmo nível de eficiência. 

Na estrutura de um hotsite, o desenvolvedor pode exibir menus para acesso ao regulamento da promoção, o prazo limite, as condições de pagamento aceitas pela loja de cortina de vidro área gourmet, por exemplo, além de um canal de suporte exclusivo. 

3- Aproveitamento máximo do tráfego

O momento mais crítico de uma promoção ou sorteio são as horas e os primeiros dias seguintes ao lançamento da campanha. 

Todas as técnicas de divulgação são usadas na estreia, incluindo o auxílio de parcerias pré-definidas. 

Portanto, o sucesso de uma campanha como esta depende dos frutos de seus primeiros dias, onde há riscos de dispersão e interesse menor do que a projeção dos gestores. 

Considerando o site comum como uma alternativa ao hotsite, estes são os cenários: 

Quando um visitante entra em contato com o site de uma empresa, usualmente a partir de redes sociais ou em ferramentas de pesquisa, seu primeiro contato será com uma landing page, um blog e vários menus para contato, catálogo e informações da empresa. 

Nota-se que é um longo caminho, a maioria dos acessos em uma página são abandonados poucos minutos depois, sem que o usuário confira muitos subtópicos. 

O comportamento do cidadão digital é encontrar o que precisa no menor intervalo de tempo possível. 

Se o usuário foi atraído por uma promoção de limpeza de carpete automotivo, ele deseja ser redirecionado exatamente para o local de compra ou cadastro, ao invés de procurar, entre múltiplos conteúdos, aquilo que é do seu interesse. 

Por isso, as promoções hospedadas em sites comuns sofrem da dispersão de tráfego, quando a empresa acerta em atrair o público, mas falha em direcioná-lo corretamente. Os hotsites resolvem este problema. 

Usando de uma única URL, o local da promoção pode ser compartilhado em redes sociais ou qualquer canal de divulgação, além de permitir o redirecionamento ao hotsite da marca através de QR Codes e outras ferramentas análogas. 

4- Maior flexibilidade

Por estar mais distante da página matriz, criar um hotsite pode ser uma alternativa mais flexível em comparação a outros modelos. 

O desenvolvedor pode escolher, livremente, qual será a aparência, as informações disponíveis e funcionalidades instaladas no hotsite. 

Além disso, um hotsite permite a execução de técnicas de link building onpage, como a inserção do link que redireciona o usuário até um hotsite de cadastro, durante a criação de um artigo sobre transferência de veículo de outro Estado no blog da marca. 

Conclusão

Sendo assim, os hotsites são alternativas de otimização do conteúdo publicado em sites, uma tendência que domina todos os espaços online. 

As constantes atualizações de produtos tecnológicos e algoritmos de indexação são motores para esta mudança. 

As empresas, pouco a pouco, reconhecem a necessidade de comunicar-se de maneira efetiva e transparente com o cliente.

Assim, desenvolvendo métodos de aprimorar seus canais oficiais ao passo em que mantém custos baixos, sendo hotsite é um produto destas demandas. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.