Junte-se a 22.515 pessoas que
decidiram aprender tudo sobre Criação de Blogs Profissionais e Redes Sociais.

Guest Post Bruna Farias

5 Dicas para pesquisa de satisfação para o seu negócio

Aqui você vai conferir as melhores dicas para pesquisa de satisfação para o seu negócio.

Dessa maneira, é possível criar uma pesquisa bacana, colher resultados realmente interessantes e garantir que esse investimento traga algum retorno para você a longo prazo.

Então, pegue o seu bloquinho de notas e vamos começar!

1. Escolha a metodologia ideal

A metodologia se refere ao tipo de pesquisa que você vai fazer, sendo que existem algumas opções.

Atualmente, a internet é o meio mais usado para colher dados do público de maneira sólida e consistente.

Da mesma maneira, permite que mais pessoas deem respostas, o que também é interessante.

Portanto, as opções incluem:

  •         Net Promoter Score ou NPS: se refere a uma única pergunta e, geralmente, é uma escala, referindo-se a chance de o cliente recomendar o seu negócio para outras pessoas;
  •         Questionários e formulários: muito comum, reúne diversos tipos de questões;
  •         Avaliação online: refere-se a um sistema de notas com possibilidade de deixar comentários.

Exemplos

NPS:

Você pode questionar: “qual a chance de você recomendar esta empresa/serviço a um amigo” e apresentar uma escala de 0 a 5.

Avaliação online:

Você apresenta a seguinte ideia: “de 0 a 5, ou de ruim a ótimo, o que acha dessa empresa? Deixe o seu comentário”.

Questionário:

O questionário envolve uma série de perguntas, que podem variar de dois até mais, podendo se referir a um produto específico ou a empresa de maneira geral.

Geralmente, o questionário é uma opção mais ampla e garantida de bons frutos, mas o número de respostas é menor.

Já o NPS e a avaliação online são opções mais rápidas e que, geralmente, são respondidas.

Então, escolha a metodologia de acordo com o seu foco em relação a essa pesquisa.

2. Pesquisa de campo para escolher as perguntas ideais – Dicas para pesquisa de satisfação

Os cursos online mostram que o público quer algo mais rápido, dinâmico, e não algo que tire o foco daquilo que estão fazendo.

Ao mesmo tempo, é comum que não queiram ficar pensando muito na hora de responder questões online.

Salvo quando essa é a atividade que estão procurando.

Portanto, você precisa pensar no seu objetivo com a pesquisa e nas perguntas que vai fazer para descobrir a resposta.

A recomendação, é que as perguntas sejam de sim ou não e/ou com escalas de 0 a 5, por exemplo.

Mesmo que no final você deixe espaço para comentários.

Então, se você quer saber o que as pessoas acham da sua empresa, foque nessa pergunta.

Já se o objetivo é conhecer a opinião do público sobre um produto/serviço, deixe isso claro na questão.

Quanto mais diretas e simples de ler as perguntas forem, melhor.

3. Sistema de troca

Entre as dicas para pesquisa de satisfação para o seu negócio está o sistema de troca.

Ou seja, você dá alguma coisa ao cliente que responde a sua pergunta.

Geralmente, as recompensas são mais comuns em questionários e formulários.

Isso porque, por ser mais longo, a apresentação de benefícios ao público que responder aumenta a chance de participantes.

Por exemplo, algumas empresas oferecem algum vídeo exclusivo, e-book ou até mesmo algum desconto para uma determinada compra, de 5%.

Pensando aqui no campo online.

Já quando a pesquisa é feita na rua ou mesmo dentro da loja, o mais comum é oferecer algum desconto para as compras feitas naquele dia ou até algum bônus.

Lojas de maquiagem ou de produtos naturais oferecem algum “mimo”, como um sachê de mascara para os cabelos ou pele.

O sistema de troca é um dos que mais funcionam para as pesquisas e garantem mais resultados.

Como o cliente vai ganhar alguma coisa, acabam prestando mais atenção às questões, ideal para pesquisas mais amplas.

4. Escolha uma boa fase para fazer a pesquisa

Além de ter o cuidado na hora de destacar a sua pesquisa, para que o público veja e sinta interesse, é preciso ir um pouco além.

Um problema comum que os empreendedores encontram é não saber quando colocar a pesquisa no ar.

Seja porque você está começando ou mesmo porque não sabe quanto tempo deixar disponível.

Em geral, não existe uma regra e tudo depende do seu público.

Existem aqueles que respondem em poucos dias e aqueles negócios que demoram mais.

Uma boa amostra de pesquisa é em torno de 100 respostas, principalmente para formulários.

Já os NPSs e avaliações, podem ficar por tempo indeterminado.

Uma boa dica para seguir aqui é sempre escolher a melhor fase.

Por exemplo, se você começou agora o negócio, não faz sentido realizar pesquisas.

Espere mais um pouco, atraia o público e só depois colha resultados.

Outro exemplo é para pesquisas de produtos, já que é preciso dar tempo para os clientes terem dinheiro, comprarem e testarem.

Depois de lançar um produto, algumas empresas podem demorar meses para pedir a opinião do público.

Então, vá analisando o seu mercado, comece com uma avaliação e depois já para um questionário.

Dessa forma, você tem as chances de ter um bom resultado a ser colhido, ao invés de investir tempo e não colher fruto algum.

5. Dicas para pesquisa de satisfação – Sempre faça uso dos dados recolhidos

Os cursos online com certificado sempre falam sobre a importância de fazer uso de todas as informações que você tem.

Com as pesquisas não deve ser diferente.

Veja, você vai gastar tempo e talvez até dinheiro para criar uma pesquisa de satisfação.

Então, faz sentido recolher os dados e utilizar não é mesmo?

Dessa forma, é preciso parar para avaliar as respostas, principalmente comentários, e melhorar a experiência do cliente.

Para isso, existem diversas ferramentas que já entregam as respostas em relatórios, apresentando o total.

O ideal é que você separe um tempinho da sua rotina para fazer essa análise, entender e então descobrir como pode mudar.

Com as pesquisas, você pode descobrir que a sua plataforma digital está confusa, dando erro, com excesso de dados, que falta uma barra de pesquisa ou mesmo mais sobre produtos.

Fique atento aos resultados que conseguiu!

Por fim, você ainda ficou com alguma dúvida ou gostaria de saber mais sobre o assunto?

Comenta aqui embaixo para que eu possa ajudar você ou aproveite para compartilhar as suas dicas com nossos leitores.

Grande abraço e até o próximo post!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.