Junte-se a 22.515 pessoas que
decidiram aprender tudo sobre Criação de Blogs Profissionais e Redes Sociais.

Guest Post Bruna Farias

Viagem em grande estilo: dicas para personalizar sua viagem

Viajar é uma das melhores coisas do mundo! E nada melhor do que ter uma viagem totalmente personalizada. 

Para entender por que personalizar sua viagem é uma excelente ideia, veja essas dicas para personalizar sua viagem. Confira! 

  • Por que personalizar sua viagem? 

Há diversas razões para personalizar sua viagem. 

Personalizar sua viagem pode te trazer uma experiência de viagem muito melhor. Afinal, por que não escolher os roteiros que você gosta ou ainda, optar por restaurantes com as melhores opções de pratos, de acordo com seu estilo e gosto? 

Quando se pensa em fazer uma viagem, é possível perceber que saber exatamente o que se deseja e o que se gosta pode deixar a viagem muito mais gostosa. 

Outra razão é economizar. Já pensou em pegar um pacote, sem nenhuma personalização, ou seja, com inúmeros passeios que você nem pensa em fazer e pagar por isso? 

De fato, quando você personaliza sua viagem, opta por exatamente o que você quer e assim, a viagem acaba ficando mais econômica. 

Viajar em grupo pode até parecer divertido, mas também te tira bastante a liberdade. Assim, quando você opta por uma viagem em grupo, já saberá que não terá o tempo que deseja para visitar as atrações que quer. 

Outro ponto a ser discutido é que quando se viaja em grupo, você não tem a liberdade de ir para onde quiser e ficar o tempo que desejar. Tem que seguir um cronograma já preestabelecido, o qual, muitas vezes, não respeita desejos individuais. 

  • Como personalizar sua viagem? 

Há diversas opções para você personalizar sua viagem. Aqui vão algumas sugestões: 

  • Pense nas cidades que deseja visitar 

Uma boa opção para personalizar sua viagem é incluir as cidades que deseja visitar. 

Afinal, não são só as capitais e as famosas cidades pelo mundo que merece atenção. Muitas vezes, você pode fazer um roteiro com cidades pequenas, do interior, justamente para poder curtir mais o estilo de vida daquele país que está visitando. 

Portanto, pense se você não deseja visitar cidades menores, alugando um carro e passando por estradas bucólicas. Com o GPS, você consegue dirigir pelas excelentes estradas do interior europeu, por exemplo, podendo apreciar as belas paisagens. 

A dica também vale para os Estados Unidos, uma vez que as estradas norte-americanas costumam ser boas e você consegue cruzar diversos estados, apreciando a paisagem, de uma maneira singular. 

  • Inclua trens em seu roteiro 

Além disso, na Europa, por exemplo, você pode traçar interessantes roteiros, por meio de trens, já que o continente tem inúmeras opções de trens que cruzam os países. 

Assim, você pode, por exemplo, estar em Lausanne, na Suíça e em 3 horas e meia, estar em Paris, na França, graças ao TGV (trem de grande velocidade), que atravessa os países. 

Você já ouviu falar do TGV? O TGV, conforme já dito, é o trem de alta velocidade, que circula na França e em outros países europeus. Na França, por exemplo, você pode ir de Paris até outras grandes cidades francesas, através dessa condução. 

Através do TGV, você consegue cruzar países e ir para diferentes cidades, fazendo a interligação com os outros trens. É uma ótima opção, uma vez que a viagem é extremamente confortável e você pode ir apreciando a bela paisagem do continente europeu pela janela. 

Se você nunca viajou de TGV, opte pela primeira classe. Ao contrário de passagens aéreas, o preço não é proibitivo e você terá uma confortável poltrona, bem como refeições a bordo do trem. De fato, é uma experiência única! 

  • Preste atenção na hospedagem 

Muitas vezes, os viajantes pensam em buscar opções muito baratas de hospedagem, achando que isso vai fazer a viagem ficar bem mais em conta. 

Mas, se esquecem que, um hotel localizado longe de metrôs ou na região mais periférica da cidade vai fazer você gastar mais com táxis. Assim, era melhor ter escolhido um hotel mais próximo, mesmo que com uma diária mais elevada, mas que no fim, faria você economizar. 

Táxis não são baratos, em nenhum local do planeta. No continente europeu, por exemplo, há também a opção de Uber. Mas, para se ter uma ideia de preço, pode-se pagar mais de um euro e vinte centavos por quilômetro em Paris. 

E se você estiver na periferia da cidade, o preço pode ficar ainda mais caro, caso você deseje ir para o centro. E claro, tudo depende do horário. 

Portanto, preste atenção onde se localiza o hotel e se há metrôs perto. Aproveite o transporte coletivo nas cidades grandes e economize mais do que pegando um hotel muito barato, mas longe de tudo. 

  • Personalize suas malas 

A última dica é você personalizar suas malas. As Malas de viagem personalizadas são ótimas maneiras de você achá-las com mais facilidade, na hora de pegar sua bagagem na esteira do aeroporto. 

Além disso, você pode imprimir a marca do seu negócio ou da sua empresa. Quer propaganda melhor? Existem várias opções no mercado para esse tipo de personalização. 

Conclusão 

Ter uma viagem personalizada é, sem dúvida, uma ótima maneira de curtir exatamente o que você deseja, respeitando seus gostos e até podendo economizar tempo e dinheiro. 

 

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.