Junte-se a 22.515 pessoas que
decidiram aprender tudo sobre Criação de Blogs Profissionais e Redes Sociais.

Mundo Blogger Diego Bini

Como programar pelo celular: 5 dicas essenciais

Se você sempre sonhou em trabalhar com a criação de aplicativo para Android, possivelmente imagina que é necessário um computador para isso. Afinal, como programar sem ele? Será que dá para aprender como programar pelo celular, por exemplo? Na verdade, dá sim. Embora não seja realmente recomendado, dá para programar usando o seu smartphone, se você souber como.

Hoje em dia, o Brasil tem mais celulares ativos do que pessoas. Isso significa que é mais comum que as pessoas tenham um smartphone ou tablet para usar do que um computador, que costuma ser mais caro. Por isso, para quem é um iniciante na área ou ainda não trabalha com isso profissionalmente, aprender como programar pelo celular pode ser uma opção mais acessível do que comprar uma máquina para isso.

Quer ver como programar pelo celular? Então confira algumas dicas a seguir!

5 dicas de como programar pelo celular

1. Tenha os apps corretos

Se você tem o objetivo de programar pelo celular, saiba que você precisará de alguns aplicativos para isso. Esses apps consistem em ambientes de depuração dos códigos. Basicamente, você digitará o código neles e terá a oportunidade de testá-los e muito mais.

Uma das vantagens de usar esses programas específicos é que muitos deles contam com recursos que facilitam a sua programação, como a tela mais escura, divisão de elementos da sintaxe do código em cores diferentes e muito mais. Isso facilita o processo de programação e faz com que seja muito mais confortável e rápido criar um código pelo smartphone.

Confira abaixo uma lista com boas opções de aplicativos para programar no celular:

  • Dcoder;
  • Quoda;
  • AIDE;
  • Enlightened;
  • Droidedit.

2. Compre um teclado para smartphone

Se você pretende escrever código, precisará de um teclado adaptado para celulares. Não adianta: por mais ágeis que sejam seus dedos, não dá para manter um bom nível de produtividade digitando no celular.

Talvez, no início, você consiga fazer isso, especialmente usando os recursos dos aplicativos especializados no assunto. No entanto, eventualmente, os códigos ficarão mais e mais complexos e, por isso, você precisará acompanhar o ritmo com um teclado para celular.

A parte boa é que esse tipo de recurso não é tão caro assim. É claro que não chega a ser barato, mas é um investimento baixo para quem quer atuar com programação profissionalmente. A parte ruim é que talvez você precise se adaptar a digitar nesse tipo de teclado, o que levará algum tempo.

3. Apague apps que não usar

Trabalhar com código, especialmente aqueles que puxam dados de uma base de dados, significa precisar de uma boa máquina. Não é que você precisará de um PC gamer para rodar os códigos, mas seu celular não pode ser muito fraco também.

Uma dica para ajudar a melhorar a performance é apagar os aplicativos que você não usa. Além de abrir espaço na memória para os apps de programação e outros recursos necessários, você ainda evitará que alguns programas fiquem rodando no background, consumindo memória RAM do seu celular.

4. Cuidado com a bateria do celular

Programar no computador significa não se preocupar com a bateria do aparelho. Afinal, você provavelmente estará sempre conectado na tomada. Não é o mesmo com o celular, claro. Por isso, é importante que você se mantenha sempre atento ao nível de bateria do seu aparelho durante a sua programação.

Os aplicativos de programação, além dos testes para ver se o app está rodando do jeito certo, consomem bastante bateria. Afinal, você usará o celular por horas sem parar. Isso diminuirá bastante a duração da carga dele.

Por isso, conserve bem a bateria e cuide dela para que ela esteja sempre carregada e pronta para usar.

5. Desative as notificações de aplicativos

Por fim, uma dica importante para ter sucesso programando no celular é desativar as notificações de aplicativos que você possa receber, incluindo apps de delivery, de redes sociais e mais.

A primeira razão para isso é o consumo de bateria e memória. Se os apps ficarem rodando no background e apresentarem notificações o tempo todo, você verá sua bateria acabar mais rapidamente, além de notar uma queda de performance no aparelho.

Já a segunda razão é o fato de que as notificações podem ser uma distração. Por isso, é importante evitá-las para poder focar naquilo que você quer fazer com mais importância.

Pronto! Com essas dicas, ficará mais fácl aprender como programar pelo celular. Como deu para ver, essa é uma opção válida para quem está começando agora, mas não é uma boa alternativa para quem já é experiente e quer trabalhar no setor. Portanto, se o seu objetivo é realmente se tornar um profissional da área, use o celular apenas para aprender e, eventualmente, compre um computador.

E aí, gostou do conteúdo? Então deixe um comentário abaixo com a sua opinião sobre o tema!

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.