Junte-se a 22.515 pessoas que
decidiram aprender tudo sobre Criação de Blogs Profissionais e Redes Sociais.

Tutoriais Blogger Bruna Farias

Branding para pequenas empresas: saiba mais sobre o assunto

O branding é um conceito que merece atenção dentro de qualquer empresa, uma vez que trata-se de um compromisso que precisa ser levado a sério.

A força de mercado de uma marca e a percepção que o público tem dela dependem de ações voltadas para os objetivos da organização.

São práticas que fazem com que essa mesma empresa esteja presente na mente do consumidor, seja escolhida no momento da compra e tenha sua identidade e personalidade reconhecidas.

Quando pensamos em tudo isso começamos a entender o branding, e mais ainda: por que ele não deve ser ignorado. Para se ter uma ideia, suas estratégias repercutem diretamente nos resultados da companhia.

Essa ferramenta não pode ser dispensada, principalmente pelos pequenos negócios ou pelas organizações que estão surgindo agora. Crescer demanda esforço, competência, disciplina e boas práticas.

O branding mantém uma apresentação constante da empresa junto ao público, algo que pode gerar um aumento de receita de quase 25%.

Em vista disso, é imprescindível conhecer o conceito de branding dentro do marketing digital, sua importância para as pequenas organizações e de que forma ajuda os negócios.

É exatamente sobre isso que vamos falar neste artigo, portanto, se você tem dúvidas ou quer saber mais, acompanhe até o final.

Branding no contexto do marketing digital

O branding trata-se da gestão de marca, que tem como objetivo tornar a empresa mais forte e presente em seu mercado de atuação. Dessa forma, passa a ser reconhecida pelo público, fazendo até mesmo com que seja admirada.

Essas estratégias são investimentos que trazem retorno em médio e longo prazo, visto que nenhuma corporação se torna líder do dia para a noite.

Quando uma fábrica de placa de sinalização vertical deseja trabalhar o seu branding, precisa planejar e executar diferentes ações para alcançar os resultados que deseja.

Elas envolvem o marketing, mas também formam um projeto da empresa, em que todos os setores contribuem. Com isso, a companhia consegue estabelecer uma conexão emocional com seus consumidores.

Quando a marca cria um vínculo com seu cliente, este sente que seus problemas foram resolvidos e que ela atendeu aos seus interesses. Então, toda vez que precisar de uma solução que você oferece, este vai procurar o seu negócio.

Essa situação é comum tanto entre pessoas físicas quanto entre pessoas jurídicas. Ou seja, as empresas B2B devem investir em branding, visto que fazer uma bosta gestão de marca é fundamental para o crescimento da organização.

Para se ter uma ideia, 82% dos investidores consideram a marca e seu reconhecimento como pontos importantes, que alocam melhor os recursos.

Pense, por exemplo, em suas necessidades. Em quais marcas você pensa quando precisa comprar determinado produto ou serviço? Aquelas que você se lembra são as que fazem um bom trabalho de branding.

Então, se seu objetivo é se conectar com o público, vender mais, atrair mais clientes e aumentar os investimentos, deve se reunir com sua equipe em uma sala comercial pequena para planejar o branding e construir uma marca forte.

Importância da gestão de marca para pequenos negócios

Investir em branding é fundamental para os pequenos negócios por diversas razões. Por exemplo, com ele a empresa se torna mais atrativa, uma vez que além de expressar seus valores, faz com que ela seja bem posicionada no mercado. Isso ajuda a atrair:

  • Talentos,
  • Bons fornecedores;
  • Mais engajamento;
  • Boa reputação;
  • Valor para os consumidores.

É ainda o melhor caminho para se diferenciar da concorrência, tendo em vista que essa estratégia constrói uma expressão em todos os lugares por onde a marca transita.

Portanto, independentemente de qual seja o ponto de contato do cliente com a sua marca, ele compreenderá seus valores.

Consequentemente, isso traz mais valor para o negócio, já que marcas bem construídas se tornam os principais ativos das companhias. Por isso, ao contrário do que muitos pensam, não é um privilégio de organizações de grande porte.

As pequenas empresas devem investir em branding para que o negócio seja mais valorizado como um todo.

Se uma empresa de stand para evento faz um bom trabalho em branding, certamente terá melhores resultados em vendas. O consumidor valoriza e está disposto a pagar mais por soluções que tenham por trás uma marca com boa identidade visual.

Caso ela esteja alinhada aos valores da companhia, o cliente tem uma percepção positiva. Além disso, todo o trabalho com marketing é facilitado, uma vez que a marca se dirige de maneira mais assertiva ao público que realmente tem interesse no que ela vende.

Em outras palavras, trabalhar o branding é facilitar as estratégias de marketing e fazer com que mais pessoas conheçam suas soluções.

Agora que você já sabe a importância do branding para os pequenos negócios, no próximo tópico, vamos mostrar como ele pode ajudar sua organização.

Como o branding ajuda pequenas empresas?

A gestão de marca vai ajudar o seu negócio por meio de algumas práticas acessíveis, que vem acompanhadas de diversas vantagens. São elas:

1 – Definir a identidade da marca

Toda empresa, como uma gráfica de cartão de visita arquiteto precisa ter sua identidade de marca. A vantagem dessa estratégia é que ela vai permitir que sua companhia seja reconhecida pelos consumidores, melhorando seu posicionamento.

A identidade envolve mais do que o logo, mas também os valores da organização, a maneira como ela trata seus clientes e os materiais visuais.

Para criar uma boa identidade, considere se você deseja ser reconhecido pelo mercado, o diferencial oferecido pelo seu negócio, dentre outros aspectos.

Conheça bem o seu público-alvo e dedique-se a definir o seu consumidor ideal, em relação a informações como idade, renda, necessidades, desejos e valores.

2 – Investir em marketing de conteúdo

Hoje em dia, se uma pessoa deseja saber sobre projeto de hotelaria, ela pesquisa na internet, então, as empresas que criam materiais ricos e informativos sobre o assunto, ganham mais atenção.

A maior vantagem do marketing de conteúdo, dentre tantas, é que ele ajuda a construir autoridade de marca, logo, seu negócio passa a ser visto como referência no que faz.

Esses materiais podem assumir diferentes formatos, como imagens, áudios, vídeos e textos, e são perfeitos para serem veiculados em canais como o blog da empresa.

3 – Melhorar os canais de relacionamento

Os clientes de uma fabricante de impressora de crachá podem usar diferentes canais para interagir com ela. Quando eles são aprimorados, a organização garante uma boa experiência toda vez que o público precisar falar com ela.

Sendo assim, analise os canais de atendimento que o seu negócio dispõe hoje, como eles estão funcionando e implemente as melhorias necessárias.

Por exemplo, se você percebeu que fazer um pedido no site é confuso, veja de que forma isso pode ser melhorado. Verifique se o perfil da empresa nas redes sociais está atualizado, bem como o tempo de resposta via WhatsApp e o feedback dado pelos seus clientes.

Uma empresa de impressão digital colorida tem em mente que o branding não lida apenas com a sua imagem, mas também com a forma como ela deseja ser percebida.

Boas estratégias de branding para pequenos negócios ajudam a enfatizar que os produtos e serviços oferecidos por eles são, de fato, as melhores opções do mercado.

4 – Ter uma comunicação visual criativa

A comunicação visual do seu negócio é muito importante para que o público receba bem a mensagem que ele quer transmitir.

Faça um bom guia de estilo porque ele vai direcionar um roteiro que todos os materiais devem seguir para manter a identidade visual da marca.

Pense em um logotipo criativo, uma vez que ele é a primeira imagem que os consumidores verão, afinal, ele está diretamente relacionado à sua empresa. Além disso, ele será uma inspiração para qualquer recurso visual que vier a utilizar.

Não descarte o cartão de visitas, visto que ele é importante para qualquer tipo de empresa, como uma de promotores para eventos.

Tudo o que você fizer na internet para o seu negócio, como o perfil nas redes sociais, deve apresentar o logo e todas as cores da sua comunicação visual.

Além disso, a identidade do seu negócio deve estar impressa nas embalagens dos produtos, caso seja o próprio fabricante.

Conclusão

O branding é parte da existência e do sucesso de qualquer negócio, principalmente as pequenas empresas. Sem ele, fica difícil conquistar espaço no mercado e conquistar uma boa reputação.

Também é por meio de suas estratégias que as empresas conquistam autoridade e, principalmente, notoriedade. Quanto mais pessoas sabem sobre o seu negócio, mais ele cresce, vende e, consequentemente, obtém lucros.

Neste artigo, você entendeu um pouco mais sobre o branding e de que maneira trabalhar para implementá-lo na construção da sua marca. Agora, pode se preparar para, em médio prazo, colher ótimos frutos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.